/

9ª sessão de restauro – 10/02/2018

Fevereiro trouxe o início do restauro da carroçaria da automotora, após alguns meses passados em intensos trabalhos de desmontagem, inventariação e restauro de peças metálicas.

Neste dia começámos por preparar minimamente uma carruagem Schindler de 2ª classe parqueada ao lado da automotora e que nos permitirá manter armazenadas em boas condições as muitas peças desmontadas da Nohab, entre bancos, bagageiras, rodapés, frisos de madeira, janelas, entre outros. Passámos assim a poder trabalhar em toda a automotora, o que certamente permitirá acelerar um pouco mais os trabalhos.

Assim que esvaziámos o “armazém” que existia no salão de 1ª classe, tratámos da desmontagem dos painéis interiores, de modo a permitir o mesmo tipo de ações corretivas sobre chapa e madeiras que foram identificadas em sessões anteriores para o salão de 2ª classe. E assim ficaram concluídas as etapas de desmontagem de interiores, com a automotora pronta para começar a ser restaurada nos elementos mais críticos – chapa e estrutura de madeira.

Os trabalhos na chapa começaram de imediato, iniciando-se o tratamento de zonas com corrosão, a partir do exterior, onde após decapagem e limpeza são aplicados betumes e tratamentos de superfície de modo a garantir a integridade imediata da chapa mas também, e mais importante, a sua conservação para o futuro. Este é um passo fundamental para devolver a carroçaria ao seu melhor estado – muito anterior ao fim do serviço comercial – tendo em vista a futura repintura da automotora.

Nas próximas sessões os trabalhos de chapa continuarão a ser o prato forte da intervenção. A próxima sessão está marcada para 10 de Março e, como habitual, está aberta a visitas guiadas, sujeitas a marcação prévia junto da bilheteira do Museu Nacional Ferroviário.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *