Oscar Falagan apresentou em Lisboa o documentário “Via Estrecha”

A Associação Portuguesa dos Amigos dos Caminhos de ferro (APAC) promoveu no passado dia 3 de setembro, sábado, a projeção de um documentário sobre a rede de via métrica da antiga FEVE, hoje RENFE.

Da autoria de Oscar Falagán e Mario Llorca, o documentário, que estreou em Espanha em 2015, retrata a viagem do realizador pelas diversas linhas da ex FEVE, entre El Ferrol e Bilbao, a norte da Cordilheira Cantábrica, e pela linha de La Robla, entre Bilbao e Leon, a sul da mesma cordilheira.

A projeção foi realizada com o apoio do Clube Ferroviário de Portugal (CFP) que cedeu as suas instalações de Santa Apolónia para o efeito.

O realizador Oscar Falagán procedeu à apresentação do documentário antes da projeção e promoveu um aceso debate após o término da mesma, com incidência nas perspetivas retratadas no documentário e seus paralelismos com Portugal.

O documentário, de aproximadamente 75 minutos, incorpora imagens de paisagens únicas que nos oferece o Norte de Espanha e mistura de forma equilibrada relatos ferroviários com relatos das vivências pessoais de passageiros, revisores, maquinistas e agentes da circulação (fatores) que quotidianamente viajam ou permitem a operação daquelas vias estreitas.

Num espaço de exceção e com tão bom programa, nem a reduzida afluência em período estival foi suficiente para desvalorizar a experiência que a APAC, o CFP e o Realizador permitiram.

Deixar uma resposta